www.roriz.maisbarcelos.pt
Imprimir esta página
Personalidades Ilustres do Passado e do Presente


     Das pessoas ilustres que se conhecem da freguesia destacam-se:

 

     Fr. Domingos de Roriz, Guardião do convento de S. Francisco de Barcelos, ex-leitor de Teologia e que foi um dos examinadores da « Crónica da Província da Soledade » , etc.


 

     Melchior Arriscado, senhor da casa do Bárrio, foi casado com D. Cristina da Gama de Prado, que em 1634 instituiu o Morgado do Bárrio ou dos Arriscados, nesta freguesia.

     Melchior Arriscado foi sepultado na capela desta casa do Bárrio e sua mulher na igreja do convento de Vilar de Frades, em sepultura com letreiro que dizia assim : « AQVI JAZ D. CHRISTINA DA GAMA DE PRADO MULHER DE MELCHIOR ARRISCADO » .


 

     Dr. António Júlio de Miranda, natural e falecido nesta freguesia em 1918, com 60 anos de idade, filho de Manuel José de Miranda e de D. Ana Cândida Ferreira Carmo, foi bacharel formado em Teologia pela Universidade de Coimbra, Cónego da Colegiada de Guimarães, professor do liceu da mesma cidade, etc.


 

     Dr. Bonifácio Elias Barbosa Lamela, filho do cirurgião diplomado Bento Custódio Barbosa Lamela, nascido em Roriz aos 15 de Julho de 1828, formou-se em medicina pela Escola do Porto.

     Em 1857 dirigiu com louvor os serviços sanitários na luta contra a cólera mórbus em Avintes e depois, vindo para Barcelos, foi nomeado médico dum partido municipal e do Hospital da Santa Casa de Misericórdia, lugares que exerceu até à sua morte, em 25 de Outubro de 1903.


 

     P. António Fernandes Pais de Vilas Boas, o bem conhecido Abade Pais. Nascido na cidade em 5 de Dezembro de 1835, faleceu em Quiraz, em 15 de Julho de 1912, na casa que actualmente pertence ao senhor António Sérgio Azevedo.

     Ordenado de presbítero em 1861, foi pároco em S. Martinho de Galegos (1870), abade de Roriz e Quiraz (1872) e de S. Martinho de Alvito (1900)..

     Pregador Régio, Comissário da Ordem Terceira de S. Francisco (1905) e vereador da Câmara Municipal de Barcelos (1905), teve uma vasta colaboração nos seguintes jornais : « O Barcelense », «O Eco de Barcelos», « O Desengano », « Folha da Manhã », « A Lágrima », « O Comércio de Barcelos », « A Fé » e « Barcelos - Revista ».Usou dos pseudónimos de Arqueólogo e de Pancrácio . Deixou várias crónicas publicadas em aqueles jornais, algumas muito apreciadas, tais como « Barcelos há 50 anos » e « Cartas d,Aldeia ».

     Era também musico de apreciável talento, um óptimo tocador de violino.


Padre Joaquim Ferreira Fonseca

 

Natural de Macieira de Rates, Barcelos, foi Pároco da Paroquia de Roriz, durante 51 anos, no período de 16/03/1952 a 06/06/2003.

 

                                       Busto de Homenagem

 


Dr. ANTÓNIO JÚLIO LOURENÇO SIMÕES

 

 

 

António Júlio Lourenço Simões, nasceu na freguesia de Roriz, do concelho de Barcelos, em 1 de Janeiro de 1926.

 

Viveu na freguesia de Roriz até aos 16 anos, passando a estudar, primeiro, no Colégio Universal, no Porto, depois no Liceu Gil Vicente, em Lisboa, e finalmente na Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra, onde se licenciou, em 1954.

 

Com bolsa da NATO, quando era Oficial Miliciano, seguiu para os Estados Unidos da América, tendo-se especializado em Cirurgia Geral, no New York Hospital.

 

Daí seguiu para Denver, no Colorado, onde exerceu a actividade de médico cirurgião, na área cárdio-vascular.

 

Mais tarde, foi para Lansdale, na Pensilvânia, tendo dirigido equipas de cirurgiões, sendo Director do hospital.

 

Em Filadélfia foi cirurgião e professor no Thomas Jefferson University Hospital.

 

Actualmente está aposentado, é casado, em segundas núpcias, com Mary Borba Parente, e reside na cidade de Ontário, na Califórnia.

 

É membro do Rotary Club de North Penn, na Pensilvânia.

 

Foi agraciado, com o grau de Comendador, pelo Presidente da República, Dr. Mário Soares, pelos excelentes serviços prestados nos E.U.A. a portugueses, luso-americanos e causas humanitárias. A comenda foi entregue pelo Embaixador de Portugal nos E.U.A.

  

Criou as seguintes Fundações, com vários milhões de dólares:

- FUNDAÇÃO ANTÓNIO J. L. SIMÕES, em memória de Frances D. Simões ( a sua primeira esposa ), no Thomas Jefferson University Hospital, em Filadélfia – USA, para estudantes portugueses e/ou luso-americanos, na área da Medicina/Cirurgia.

- FUNDAÇÃO ANTÓNIO J. L. SIMÕES, igualmente em memória de Frances D. Simões, no National Jewesh Hospital, em Denver – Colorado- USA, para estudo e investigação de doenças pulmonares e cardíacas, em virtude ali ter sido cirurgião e por ter sido nessa cidade que casou e por aí ter nascido a sua primeira filha.

 

É um grande benemérito, tendo efectuado várias doações e contribuições para as mais diversas causas humanitárias e religiosas, nos E.U.A. e em Portugal.

Em Portugal, há a salientar, entre outras:

- Bombeiros Voluntários de Barcelos.

- Bombeiros Voluntários de Guimarães.

- Rotary Club de Barcelos, sendo seu sócio honorário.

- Rotary Club de Guimarães, sendo seu sócio honorário.

- Hospital de S. António.

- Universidade do Minho, na área da Escola da Ciência da Saúde.

 

Ofereceu, ainda, através do Distrito 1960 do Rotary International:

- viatura, com unidade móvel de saúde, para S. Tomé e Príncipe.

- viatura, com unidade móvel de saúde, para Timor Leste.

 

 

                    É uma pessoa de bem, de grande cultura e amor à sua Pátria, ao seu concelho e à sua freguesia de Roriz, onde quer ser sepultado.

 

 

 

 


 

 

 


 

     Códigos Postais

 

 

    Previsão do tempo

 

 

   

  Risco de Incêndio

    

 

 

Atendimento

Público

Terças e Quintas

20.00 às 22.00

Serviço Público

Internet

Terças e Quintas

20.00 às 22.00